A ERA DOS ESPELHOS E O MESSIAS

Tive a oportunidade de teclar com Tiago (Humano Planetário), que estuda o calendário Maia, e perguntei mais a respeito das Profecias Maias para o período em que estamos vivendo (e sobre o qual já havia comentado anteriormente). Ao que ele me respondeu:

“Os maias diziam que nós estamos passando por um feixe de radiação. Para fazer uma analogia, imagine um barco sendo atingido pelo feixe de luz de um farol… Diziam que em 3.113 a.C. nós começamos a atravessar esse feixe e que levaríamos 13 períodos (aos quais eles chamavam de Baktuns) de 144.000 dias para atravessá-lo. Isso dá aproximadamente 5.125 anos… E termina num sábado, 22 de dezembro de 2012. Nesse dia a humanidade fará sua escolha de desaparecer como espécie dominante/pensante que ameaça a destruir o planeta, ou pode optar por evoluir e integrar-se com o universo, entendendo que todo ele é vivo e consciente.”

“A primeira profecia diz que, após sete anos do início do último Katun, ou seja, desde 1999, estamos passando por um período de trevas, onde nos defrontamos com nossa própria conduta. Compararam esse período como a entrada num salão dos espelhos, onde cada um de nós poderá se ver e analisar-se. Poderá então ver como se comporta sozinho, diante dos outros, diante da natureza e do planeta em que vive. É um período para a sociedade mudar, com a mudança de cada um de nós.”

Tiago

Segundo a Cabalá, desde 1999 entramos na preparação da era do Mashiach (Messias), que constitui-se NÃO da vinda de um homem (como os Judeus ortodoxos ainda acreditam), mas a entrada em um estado de espírito diferenciado para toda a humanidade. Baseado no estudo do Zohar, afirmam que “ai daquele que estiver na era do Mashiach, e feliz daquele que estiver na era do Mashiach“. Essa afirmação significa que a dicotomia bem/mal ficará mais evidente e polarizada, e trará muita felicidade para uns e revolta para quem não se compatibilizar com essa energia.

É interessante notar como duas culturas totalmente diferentes dizem a mesma coisa, e ainda citam a MESMA data (1999) para um mesmo acontecimento.

Isaías descreve Mashiach: “E um espíríto (profecia) de D’us repousará sobre ele, um espírito de sabedoria e compreensão… de conhecimento e temor a D’us… ele será dotado extraordinariamente de sentidos que o habilitarão a perceber o bem e o mal nos homens… e com justiça julgará… golpeará (os maus) da Terra com o bastão (a expressão) de sua boca e com o sopro de seus lábios destruirá os perversos.”

A isto segue uma descrição da Era: “E o lobo habitará com o cordeiro, e o leopardo se deitará com o cabrito… e o bezerro com o filhote do leão… e uma criancinha os guiará. Eles não causarão dano nem destruição, pois a Terra estará plena de conhecimento de D’us e de Torá, da mesma maneira que as águas cobrem os oceanos.”

5 1 vote
Avaliação
Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.