ESCRITOR PREVIU O CORONAVÍRUS?

Está circulando na Internet uma história de que um escritor previu, em um livro de 1981, o surto do Coronavírus em 2020, e que ele diz que é uma arma biológica chinesa criada em Wuhan.

Verdade? Mentira? Uma mistura dos dois?

Desinformação é a pior coisa a se espalhar em tempos de crise. Precisamos nos unir, pensar no próximo e passar tudo pelas três peneiras se Sócrates. Qualquer especulação a respeito da origem do Coronavírus, NESSE MOMENTO, não somente é inútil como irresponsável. Não temos poder investigativo, não poderemos aplicar nenhuma sanção a nenhum país, e “saber a verdade” é uma informação que não vai influenciar em NADA e ainda vai causar, em muitas pessoas, uma confusão que pode levar a um relaxamento das medidas de prevenção, porque geralmente a desinformação vem associada a MAIS desinformação de outros tipos, como um Cavalo de Tróia.

Então vamos trazer os fatos a respeito desse boato: O livro EXISTE, se chama The Eyes Of Darkness, é um ROMANCE de suspense e foi escrito por Dean Koontz. No capítulo 39 ele descreve um cientista chinês chamado Li Chen que fugiu para os EUA carregando um disquete com informações sobre um vírus que foi criado na cidade de Wuhan para ser uma arma biológica. O nome dele é Wuhan-400, pois foi a versão 400 do vírus, desenhado pra provocar a morte do hospedeiro em 24 horas. Ele não sobrevive mais que 1 minuto em contato com o ar e morre em temperaturas mais baixas que 30 graus celsius.

Como podem ver, MUITO diferente de como se comporta o Coronavírus. E esse cientista, Li Chen, não é o mesmo que alertou as pessoas na China (Li Wenliang). Mas a maior prova de que esse autor não previu nem tentou alertar pra nada foi que a PRIMEIRA versão do livro, a de 1981, trazia nessa página que o vírus tinha sido desenvolvido na União Soviética, se chamava Gorki-400 (por ter sido criado na cidade de Gorki) e o Dr. se chamava Ilya Poparopov. A nacionalidade foi trocada em 1989 com o fim da União Soviética e a tentativa de um bom relacionamento dos EUA com os Russos.

Bom, e por que Wuhan? Muito provavelmente porque a cidade talvez já fosse uma referência em pesquisas virais. Não consegui nada factual a respeito, mas em 2017 a cidade foi a primeira a receber autorização para ter um laboratório para trabalhar com vírus altamente mortais. Imagino que os melhores cientistas estivessem concentrados nessa cidade. Não sei. Coincidência ou não este laboratório fica bem perto do mercado de Wuhan, de onde acredita-se que se originou o vírus. Mas isso é questão pra outro momento.

A segunda parte do boato é a de que o livro diz que isso aconteceria em 2020. Mentira absoluta. Não há indicação de ano algum no livro, e a página que eles mostram pra “provar” foi tirada de outro livro, dessa vez um livro de previsões, chamado End of Days: Predictions and Prophecies about the End of the World e escrito em 2008 pela vidente Sylvia Browne, e que traz o seguinte:

“Por volta de 2020, uma doença grave semelhante à pneumonia se espalhará por todo o mundo, atacando os pulmões e os tubos brônquicos e resistindo a todos os tratamentos conhecidos. (…) Quase mais desconcertante do que a própria doença será o fato de que ela desaparecerá tão rapidamente quanto chegou, atacará novamente 10 anos depois e depois desaparecerá por completo”.

Sylvia Browne; End of Days

Impressionante? Talvez. Mas precisa ser lembrado que, 4 anos antes dela escrever o livro tivemos um caso grave de SARS (Síndrome respiratória aguda) pelo mundo. E se você olhar no parágrafo anterior vai ver que a outra “previsão” dela é pra 2010, ou seja, ela usa números redondos, e esse “por volta de” é justamente pra pegar 5 anos pra baixo ou 5 anos pra cima e dizer que acertou. Ela era famosa na TV e fazia várias previsões, a maioria erradas, e errou a idade com que morreria com uma diferença de 11 anos.

Enfim, se cuidem. Esse vírus é muito, muito sério não porque ele entra na pessoa e mata como nos filmes, mas sim por causa da PNEUMONIA que ele causa, de forma muito rápida e agressiva. “Ah, mas é só uma gripe que causa uma febre”. Não é “só uma gripe”. E a febre é causada pelo seu corpo lutando contra a pneumonia. Se você estiver forte, vai vencer, mas enquanto isso pode estar infectando outras pessoas ao seu redor. E essas pessoas, se tiverem alguma baixa imunológica, pulmões estragados pelo cigarro, doenças congênitas, problemas de circulação, coração, diabetes, INDEPENDENTE DA IDADE, correm um risco SÉRIO de precisar ir pro hospital. E indo pra um hospital lotado com dezenas, centenas ou até milhares de outras pessoas na mesma condição você sabe como vai ser o tratamento, não é? “Ah, mas eu ouvi que só atinge velhos”. Preste atenção nas informações! Desde o começo se diz que a mortalidade é maior em pessoas idosas, mas PRESTEM ATENÇÃO quando falam na TV sobre os pacientes de risco. Uma pessoa mais jovem, mesmo com riscos, pode até não morrer do Coronavírus, mas pode vir a passar 1 semana ou 2 entubada num hospital, ligada a um respirador (se tiver sorte de ter um respirador sobrando). Você não vai querer isso, vai? E mais: vírus fazem MUTAÇÃO. Eles podem se tornar mais perigosos, mudar a forma de agir e podem ser imprevisíveis. Na Itália mesmo ele já está atingindo pessoas cada vez mais jovens, entre 40 e 45 anos. As UTIs atualmente estão ocupadas com 12% dos pacientes entre 19 e 50 anos, 52% entre 51 e 70, e o restante mais de 70 anos.

O mais importante que podemos fazer agora é espalhar a informação CORRETA. Neurocientista, Mestre em psicologia experimental e, mais importante, SENSATA, Claudia Feitosa explica tudo o que a sociedade precisa saber hoje sobre o Coronavírus. Espalhem esse vídeo de forma viral:

E as pessoas ficaram em casa. E leram livros, ouviram, descansaram, se exercitaram, fizeram arte, jogaram jogos, aprenderam novas maneiras de existirem e ficaram paradas.

E então ouviram mais profundamente. Alguns meditavam, outros rezavam, já outros dançavam. Alguns encontraram as suas próprias sombras. E o povo começou a pensar de maneira diferente.

O povo foi curado. E, na ausência de pessoas vivendo na ignorância, perigosas, com a mente e o coração fechados, a Terra começou a se curar.

E, quando o perigo passou, as pessoas se uniram novamente, sofreram com as suas perdas, fizeram novas escolhas, sonharam novas imagens e criaram novas maneiras de se viver e curar a Terra completamente, como haviam sido curadas.”

Kitty O Meara

Referência:
E-farsas;
Coronavirus Pandemic: Real Time Counter, World Map, News;

0 0 vote
Avaliação
Subscribe
Notify of
guest
16 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.