O ROSTO DE MARTE

Cydonia 35A72 (A primeira foto)

Vocês devem conhecer este rosto. Em 1976, a sonda Viking sobrevoava a região de Cydonia, em Marte, quando fez essa foto. Na época, a NASA disse que era apenas um “truque de luz e sombras”, amparado pelo “fato” de que uma segunda foto, tirada “duas horas depois”, não revelava esse rosto. Investigações posteriores descobriram que esse “fato” era uma mentira: a sonda orbital estava do outro lado de Marte duas horas após a primeira foto. Na verdade, havia sim uma segunda foto, que só foi descoberta por pesquisadores independentes e que, longe de sanar as dúvidas, revelava que, mesmo em uma posição de luz diferente, também aparecia a estranha imagem de um rosto:

Cydonia 70A13 (A segunda foto)

O mistério permaneceu por mais de 20 anos, com a NASA sempre alegando o “efeito de luz e sombras”. Após muita pressão (inclusive de Arthur C. Clarke), em 05 abril de 1998 a sonda Mars Global Surveyor passou por Cydonia com a missão de tirar fotos das estranhas formações encontradas por lá. Pelo visto, os mais incompetentes cientistas foram usados nessa missão, porque o número de erros que foi cometido (por descaso ou intencionalmente?) foi surpreendente! A câmera de alta resolução do satélite tem dois modos de funcionamento: um deles mais preciso, que combina o resultado de vários filtros para formar uma imagem mais precisa, e outro de baixa definição, utilizando menos filtros. Pois bem, na segunda passagem a câmera algum tapado colocou a câmera em modo de baixa definição!!!!!!! O satélite vai passar em cima de um dos maiores mistérios de Marte e o cara bota a câmera em baixa definição!!!!!! A NASA depois reconheceu o erro. Me pergunto: esses caras estavam emaconhados ou há dias sem dormir? Não à toa que os ônibus espaciais da NASA explodem! Claro que, diante desses absurdos, hipóteses conspiratórias ganham força. Obrigado por alimentar nossas paranóias, NASA. Como se não bastasse, a imagem captada foi processada nos laboratórios de forma a suprimir qualquer contraste, qualquer elevação ou profundidade:

Cydonia “catbox” (1988)

ESSA foi a imagem divulgada para o mundo todo, horas depois de recebida. Foi publicada em revistas científicas, TVs, jornais, etc. O “rosto de Marte” foi ridicularizado, ganhando o apelido de “catbox” (caixa de areia, usada por gatos). Bem, digamos então que o rosto em Marte seja apenas um jogo de luz e sombras, algo não-artificial. Então porque o JPL (Jet Propulsion Laboratory, subordinado à NASA), além de pegar uma foto sem contraste, adulterou-a digitalmente no sentido de parecer ainda menos um rosto? Me parece uma política tendenciosa e nada científica, não é mesmo? Ou isso, ou a NASA contratou para esta missão os piores cientistas e os piores laboratoristas também!

Reconhece alguma coisa desta imagem? Este é o Pentágono, sob as mesmas condições da foto tirada pela NASA. Como alguém pretende analisar algo dessa forma?

A farsa ficou tão evidente que no dia seguinte a NASA reprocessou a imagem e liberou uma versão com “alto-contraste”:

À esquerda vemos a foto reprocessada pela NASA. Se invertermos a incidência da luz (trocarmos as luzes pelas sombras) na foto da direita, veremos algo mais parecido com um rosto.

Agora sim temos algo com o que lidar. Mas o estrago já estava feito. Para o grande público o caso estava encerrado. Periódicos científicos, como a revista Nature, não aceitam mais nada que se refira ao rosto, ou seja, é um assunto que está fora da “comunidade científica”. Felizmente existe a Internet. Mas mesmo essa foto não contribuiu para elucidar o mistério, por dois motivos: o ângulo em que o satélite passou foi mais baixo e oblíquo, em comparação ao da Viking (que fotografou a “face” de cima), e a luz estava incidindo de forma diferente.

Em 2000 foi feita outra passagem no local de Cydonia, e por um erro de operação, todos os dados colhidos foram perdidos! Simples assim!

Jogando luz no mistério do Rosto de Marte

Em 2001 a sonda passou novamente pela região e obtivemos outra imagem do rosto, desta vez de cima, como a da Viking, em alta resolução e em condições de luz favoráveis. O resultado continuou inconclusivo, porque, para quem não acredita, o lado do rosto que não víamos na outra foto pode parecer para uns uma formação natural (o que torna o outro lado um mero acaso da natureza), e para os que defendem a face pode ter sido uma erosão que causou a destruição parcial do rosto. O que não se pode negar é que há uma impressionante simetria em sua estrutura, como as linhas retas e paralelas no lado esquerdo, no arco que emoldura o rosto, na distância entre o que parecem ser olhos, nariz e boca. E, mais inegavelmente ainda, que o platô que emoldura a “face” é surpreendentemente plano e simétrico. O geologista James Berkland, do U.S. Geological Survey, deu seu parecer: “O tal rosto de Marte é diferente de qualquer coisa natural que eu tenha visto ou ouvido falar. Atribuir essa simetria a erosão do vento é defender um caso especial de processo geológico sem evidências que a suportem”.

A imagem da esquerda é a original, tirada em 2001. A da direita é uma alteração feita para representar a incidência de luz e contraste da foto nas condições encontradas pela Viking, na foto de 76. Veja aqui uma animação

A palavra final e oficial da NASA sobre o “rosto” é: “uma análise detalhada das múltiplas imagens dessa formação revela uma típica montanha marciana que aparenta ilusoriamente uma face humana dependendo do ângulo de visão e da iluminação”. Esse tipo de monte é chamado de Mensae (Mesa).

Ligação com o Egito?

Uma proposta conspiratória e ainda mais intrigante é que, se a face foi intencionalmente criada e não sofreu erosão, então ela poderia conter metade de um rosto humano, e a outra metade felino!

Na foto esquerda a metade esquerda do rosto foi espelhada (parecendo um astronauta de capacete), e na foto direita a metade direita é que foi duplicada (parecendo um felino)

Pode parecer tolice a princípio, mas é assustador pensar que temos um paralelo híbrido hominídeo / felino aqui mesmo, na Terra, mais especificamente no Egito: A Esfinge de Gizé, um corpo de leão com cabeça de homem, que também desafia a ciência com um mistério: O máximo que os arqueólogos conseguem encontrar da dinastia egípcia remonta a 4.000 a.C. Só que no corpo da Esfinge foram encontradas erosões que só poderiam ter sido causadas por chuva torrencial. E tais chuvas só ocorreram no egito entre 15.000 e 10.000 a.C! Estimativas mais conservadoras podem trazer a data da esfinge pra 7.000 ou 5.000 a.C. (em condições bastante improváveis), mas mesmo nessa época (período neolítico) o máximo da manifestação artística do ser humano que sobreviveu ao tempo foram os grotescos bisões nas paredes das cavernas. Tudo isso sem falar na adoração dos gatos pelo povo egípcio, e que eles têm um Deus com cabeça de Leão:

Busto do Deus egípcio Sekhmet (divindade leonina)

E mais estranho ainda se formos ver que, na mesma área de Cydonia, encontramos formações piramidais muito semelhantes às do Egito.

Acima, o que os pesquisadores chamam de “a cidade”, com várias formas piramidais. (veja uma foto em alta resolução de todo o local)
A pirâmide conhecida como “D&M Pyramid“, com dois lados perfeitos

Mais mistérios de Marte

E estas não são as únicas coisas esquisitas do planeta vermelho. Temos também um “monte” que parece incrustado no meio de uma cratera, e em cujo pico parece haver uma pirâmide.

A sonda Spirit, que pousou em Marte em 2004, fotografou um objeto desconhecido no céu de Marte. O fato é que só pode ser a Viking 2, ou uma estrela cadente ou, quem sabe, o mesmo objeto não-identificado com 25 km de extensão que foi fotografado pela sonda Phobos II (em Marte) momentos antes dela misteriosamente perder contato para sempre.

Fotos atuais do Rosto de Marte

Em 2006 a sonda Mars Reconnaissance Orbiter fez a melhor e mais mais detalhada imagem até hoje do “rosto”:

Foto de 2006 com a câmera HiRISE

Também em 2006 a sonda Mars Express (da ESA) fez fotos em stereo de Marte, o que possibilitou um mapeamento em 3D do rosto, e o resultado é esse:

Cydonia Mensa (“Face On Mars”) (2006)

O mistério de Cydonia rendeu até uma música da banda inglesa Muse:

Muse – Knights Of Cydonia: Live At Wembley Stadium 2007

E um vídeo com o compilado de mistérios sobre o “rosto”:

Canal “Você Sabia?” – NASA encontra face misteriosa em Marte!!

Referência:
Imagens de Cydonia em alta definição (site da NASA);
The Cydonia Institute;
NASA – Unmasking the Face on Mars;
Proof that the Cydonia face on Mars is artificial;
Nasa x Artificial structures;
Evidence: The face on Mars

0 0 votes
Avaliação
Subscribe
Notify of
guest
49 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.