Photoshop
Passo-a-passo de um trabalho de compositing

AcidZero no Titanic

Aháaaaaaaaaa. Aquí estou eu,atacando no Titanic. Aquele filme do James Cameron me fez viajar no tempo,e acabei me apaixonando -quem diria- pelo navio. Aquele glamour,o luxo,a magia que circunda o Titanic... puxa,desde pequeno sou fascinado por ele! Mais do que brincar com a foto em sí, existe o desafio de fazer uma montagem convincente numa foto envelhecida,ou a iluminação,que geralmente é rebuscada. Sem falar,é claro,na magia que é a viagem no tempo.....

1ª fase - preparar o Titanic

Comprei um livro ilustrado com centenas de imagens do navio,do filme,dos atores,etc. De quebra tinha o making of, entrevistas,etc. Ví a foto abaixo,de Kate Winslet com Leonardo di Caprio na cena que pra mim é a 2ª mais bela do filme. (a 1ª é quando a câmera passa de "helicóptero" pelo navio,de dia,e passa bem perto da chaminé. Me arrepiei todo,dos pés à cabeça,durante a cena toda.Belíssima!)
Daí eu escaneei:


1- foto original escaneada do livro

O próximo passo foi trabalhar a foto de modo que eu removesse digitalmente os pombinhos apaixonados. Pra isso foi preciso pesquisar pela Internet,e no filme,o que havia por trás deles dois (haja visto que meu corpo seria bem mais fino do que o corpo deles). Procurei em modelo em 3D ,mas não funcionou (valeu assim mesmo,CrAzY).Por fim,achei o que eu queria pela planta do Titanic. De posse dessas informações,fui desenhando, usando o Paintbrush (pincel), as áreas que eu acreditava ser o que tinha por trás. Uma ferramenta que me ajudou muito foi o Smudge tool (dedinho),que me possibilitava pegar as extremidades da foto e arrastar pra o "vazio" deixado pela retirada dos atores. A gotinha (blur) pra poder dar um aspecto menos artificial nas pinceladas,e pra misturar as várias pinceladas de cores diferentes que eu ia "jogando" por cima,até ficar com um aspecto natural.

Outro detalhe que me decepcionou foi o fato de que a foto do livro não estava em alta qualidade. Os pixels estavam "estourados",Não por causa da impressão,que nas outras fotos eram excelentíssimas,mas pelo original que eles pegaram pra imprimir. Somente por isto a montagem não saiu tão boa. A solução encontrada foi usar bastante Smart Blur (Filters/Blur/Smat Blur) que é a ferramenta mais inteligente e interessante do Photoshop. Ela detecta e elimina as "sujeirinhas" das fotos,deixando tudo com um aspecto limpo.
Outra coisa foi o fato da foto estar muito avermelhada e esverdeada nas sombras. Não teve color balance que desse jeito....


2- Foto sem os dois...não dá pra perceber o Smart Blur porque eu diminuí bastante pra colocar aquí.

2ª Fase - O grande ator (eu)

Começou com minha mãe (cúmplice) tirando duas fotos minha na frente de casa:


3- Mico 1                 4- Mico 2
Eu pedí duas pro caso da minha imitação de Di Caprio (mico 1) ficar muito gay. E ficou.... Por sorte eu tirei outra sem levantar minha cabeça. mas,por que eu mostrei a primeira foto,se eu deveria era ter queimado essa desgraça? Porque nela eu testei uma bela engenhoca que fiz com durex e barbante. Como aquí em casa não venta muito,eu amarrei um barbante nas mangas ligando à ponta da camiseta,o que condicionava o levantar dos meus braços ao levantar da camiseta. (gênio,esse menino!). Daí que eu separei a metade esquerda da camisa,pra colar no corpo do Mic...digo, da foto 2.

3ª Parte - Compositing


5-  O trabalho pronto, o qual eu julgava ser o  resultado final (por pelo menos 2 meses)

Este foi o trabalho em  que eu mais demorei retocando uma imagem.....ô carma. Tirar o aspecto "sujo" e velho do navio levou dias,e ainda sim ele parece mais um rebocador velho do que o Titanic. Rodei a Internet toda atrás desta foto em alta resolução. Não encontrei,mas em compensação fiz uma bela coleção de fotos do filme :-P
Eu colei a imagem pronta de mim,já sem o fundo (da foto,claro!). Daí percebí que não seria nada convincente eu estar de camiseta azul numa foto cheia de tons amarelos e vermelhos. Separei a área usando o lasso e apelei pra o Color Balance, Selective Color e até mesmo o Replace color,que faz uma mudança ainda mais acentuada na cor. O melhor amarelo que eu conseguí foi esse (eu queria ainda mais alaranjado,como o casco,mas afetaria as sombras e não ficava natural).
As pernas deveriam ser um trabalho fácil,mas não foi. Como eu queria que elas aparecessem, naturalmente, eu precisava criar uns semitons no pincel mesmo. Mudei toda a tonalidade pra marrom e fiz. (não sem antes cortar minhas pernas em 5 pedaços,pra poder controlar melhor como elas aparecerão na foto. No final das contas,da minhas pernas originais,sobraram uns 20%. Os sapatos foram trabalhados separadamente,e são o meu orgulho.Estão na cor do casco,com o detalhe de que metade da parte clara do sapato da esquerda está mais avermelhada pois recebe a luz do pôr do sol,e a outra metade recebe a sombra azul-esverdeada do pilar central (a mesma cor da sombra no lado escuro do casco do Titanic).
Alguns corrimões do Titanic (os da parte escura) tiveram de ser criados digitalmente,pois na foto original não apareciam. Se eu deixasse como estava,iria dar um aspecto de falsidade a foto.

Upgrade

O tempo passou,eu achava que já tinha terminado o trabalho,mas alguma coisa dentro de mim dizia que a foto não estava muito legal... O fato é que eu resolví fazer um teste com uma foto pequena mesmo.  E até que deu certo.


6- Esta é a foto que eu peguei pela Internet

O casco está num sentido diferente,então não dava pra aproveitar. Mas o que eu mais queria era a parte do "miolo" do navio,que era a coisa mais feia da foto anterior. Acabei por colocar toda a metade superior da foto por cima do meu trabalho. Diminuí a foto da minha montagem (5), aumentei a foto 6 e removí novamente os dois beijoqueiros. Fiz isso usando partes das janelas da esquerda,e invertendo (Edit/ Transform/ Flip Horizontal). Fiz o mesmo com as janelas da ponte de comando. Depois dava uns retoques,com o pincel,pra não ficar igual demais. Eu acabei deixando a parte superior do mastro onde ficam os "olheiros",como pode-se ver acima da ponte de comando,porque eu não sabia o que tinha por trás dele,e se eu fosse desenhar algo, acabaria por tirar o aspecto natural da foto.
Depois veio o trabalho de unir as duas imagens distintas em uma só composição. Comecei pelo mar. Usei a borracha (eraser) e eliminei algumas partes aleatoriamente,da imagem de cima. Isso criou trechos de mar azul (que era da imagem de baixo) dentro do oceano avermelhado que seria a nova parte superior. Depois usei o smudge (dedinho) pra uniformizar e dar um aspecto de ondas. Ainda usei o blur (gotinha) pra esculhambar ainda mais. Depois usei o carimbo (Rubber Stamp) para pegar certos trechos de mar (de cima e em baixo) e incluir no trecho onde eles se juntam. O segredo é mudar  a opacity (na janela de Opções) para 30%. Isso vai dar um aspecto mais ambientado do objeto que vc vai clonar com o fundo da imagem. Depois eu retoquei um pouco com o pincel.

 


7 - Como ficou a junção das duas fotos.

E pronto! Eu já achava que tinha terminado o trabalho,quando,no outro dia,achei que o casco estava laranja demais para combinar com o resto do navio. Então,me baseei na foto que eu peguei pela Internet (6) para escolher a cor do casco. Ví que não conseguiria muita coisa usando o Color balance ou Replace color. A mudança era profunda e afetava toda a cor do resto da foto. Aí vem o grande segredo: Eu fiz essas mudanças radicais, deixei o casco da cor que eu queria (bem amarelão),diminuí o vermelho da linha do casco para algo opaco,e depois copiei somente a área do casco,descartando o mar, eu e todo o resto. Revertí para a foto original,descartando as mudanças (File/Revert) e colei o novo casco por cima da foto. Fiz o ajuste de cor utilizando-me da opacidade dessa nova camada (basta ir na janela de layers e escolher a percentagem da opacity). Achei assim o tom perfeito em 76% de opacidade da nova camada.

 


O resultado definitivo!

 

Clique aqui para ver outros trabalhos relacionados a Titanic:

  Voltar