Meu outro blog!
Retornar à página principal


YUZO KOSHIRO (parte 6): A VOLTA POR CIMA


De 1994 a 1999, Yuzo se dedicou a um antigo sonho: o de ser diretor de jogos. Mas infelizmente os jogos da Ancient nesta época - como Beyond Oasis (Legend of Thor), Culdsept e Vatlva - não chamaram a atenção, e a maioria sequer foi lançada fora do Japão. O nome Yuzo Koshiro estava praticamente esquecido, ofuscado pelo brilho crescente de Nobuo Uematsu, que fez uma bela transição do som de cartucho para a qualidade CD com Final Fantasy 7 e passou a ficar no topo da lista dos grandes músicos de videogame. Parecia que Yuzo não tinha se adaptado aos novos tempos, já que seu último trabalho digno de nota tinha sido em 1992 (Actraiser 2, para o SNES).

Vatlva - Track 04 (1,64 MB)

Vatlva - Track 08 (1,38 MB)
Lembra uma música de batalha escocesa... mostra bem a versatilidade musical de Yuzo.

Culdsept - Omen (736 KB)
Nesse jogo ele enverada com sucesso pelo estilo gótico-medieval.



Até que, na virada do milênio, Yuzo voltou à cena como autor das músicas da grande aposta (e fracasso) da Sega: Shenmue. Compôs com mais 3 outras pessoas e não ficou muito animado com o resultado (fez críticas ao sistema de produção, onde teve de compor com headphones pela primeira vez na vida, e submeter-se aos pitacos musicais do diretor Yu Suzuki).

Shenmue - Receive a skill to succeed (1,87 MB)


Baixe o CD completo de Shenmue em MP3 nesta página!


Após esta fase mais sóbria - distante do velho e bom "pop eletrônico" que catapultou sua carreira - Yuzo ainda seguiu fazendo música no estilo trilha sonora de filme: Wangan Midnight (2002) já mostra um Yuzo mais vívido, flertando timidamente com o pop eletrônico, mas ainda sem exercer todo o seu potencial.

Wangan Midnight - Ending (1,95 MB)
Música no estilo do bom e velho John Williams. Yuzo poderia perfeitamente estar fazendo trilhas para filmes nos EUA, só que ele tem dois rótulos pregados na testa: japonês, e compositor de músicas de videogame.


"Música orquestrada é o meu gênero musical preferido de compor."


Até que em 2003 ele retornou às raízes: música eletrônica, com "cara" de videogame. Ensaiou um trance no remix da música do lutador de boxe Balrog (M. Bison, no Japão) para o CD Street Fighter Tribute. A música dele começa estabelecendo as bases musicais, de forma demorada, típica do trance, até deslanchar no tema que todos nós conhecemos.


Street Fighter Tribute - M. Bison Stage (AcidZero edit) (5,52 MB)
Por questão de paciência pra ouvir, eu fiz minha própria versão, removendo 2 minutos de trechos longos e mantendo a parte que interessa.


Baixe o CD completo de Street Fighter Tribute em MP3 nesta página! Todas são excelentes mas, se forem escolher apenas uma, ouçam a de Zangief!


"Eu adoro ouvir outros compositores. Por exemplo, mesmo estando muito ocupado trabalhando na minha companhia e cuidando do meu filho, eu sempre acho tempo para jogar Hyper Street Fighter II no Playstation 2 todo dia. Eu adoro jogar e ouvir as músicas e efeitos sonoros"


2004: O ANO DE KOSHIRO

A aclamação mundial do trabalho em Street Fighter Tribute fez com que Yuzo redescobrisse o seu estilo e voltasse às origens, fazendo músicas vibrantes da mesma forma como fazia há 20 anos (mas com novos sintetizadores), sem se preocupar em soar realista ou maduro demais. Livre dessas nóias, ele retorna em 2004 com força total, participando de trabalhos quase simultâneos:

Primeiro, ele pega gosto pelas participações especiais em CDs que não são para jogos, como o álbum Ten plants, e Merregnon, um projeto nascido na Alemanha que visa reunir compositores renomados de games para produzir músicas exclusivas, baseadas numa estória mítica que serve apenas como leit-motif inspiracional. Yuzo une-se ao time em 2004, participando do 2ª volume com duas músicas:

Merregnon 2 - Remembering Orgopta (edited) (3,34 MB)
Música cujo lindo tema central foi pego de "Fargandas Appearance", do compositor Rudolf Stember, presente no primeiro volume de Merregnon. O final que Yuzo faz é de trazer lágrimas aos olhos! Esta é uma versão editada pra não prejudicar as vendas do CD no site




Depois disso Yuzo volta a trabalhar para a Sega no jogo Island of Kaiju (Amazing Island) para o Gamecube, com uma fantástica trilha que nos lembra o bom e velho Yuzo dos tempos de freelancer na Enix:

Island of Kaiju - Title (1,61 MB)

Island of Kaiju - Village of Mau (1,63 MB)

Island of Kaiju - Monster Editor (1,96 MB)


Mas a grande surpresa mesmo ele reservou para o final de 2004, com a continuação do Arcade Wangan Midnight: Maximum Tune, desta vez totalmente Dance (misturando Trance, Disco, Hi-nrg e Dream house), onde ele simplesmente fez as melhores e mais dançantes músicas desde Streets of Rage 2!! E, como se achasse pouco, em 2005 ele melhorou ainda mais as músicas (e criou novas!) em Wangan Midnight: Maximum Tune 2, buscando inspiração no fusion europeu e utilizando novos sintetizadores pra fazer uma verdadeira obra-prima no estilo "música pra dirigir", o que calou a boca de todos aqueles que achavam que Yuzo estava velho demais para fazer música dançante.


"Eu tenho grande orgulho dos meus trabalhos em Sorcerian, Streets of Rage 2 e ActRaiser, e mais recentemente Wangan Midnight Maximum Tune 2"


Para encerrar esta série com chave de ouro, lhes presenteio com uma versão exclusiva das músicas de Maximum Tune 2, um Megamix juntando Maximum acceleration, Feel the passion, Nip & Tuck race e Destination Blackout numa sessão non-stop!


Wangan Midnight Maximum Tune 2 AcidZero Megamix (14,5 MB)
O mix tem quase 10 minutos de puro som dançante, e como foi encodado em alta qualidade (245kbps, já que os MP3s originais tinham 360kbps) o tamanho ficou um pouco grande, mas compensador (ouça alto!!). Pra baixar a música, clique no link e depois clique no botão branco onde tem escrito "Download file".


Para nossa sorte, ele jurou que vai continuar fazendo música até morrer. Longa vida ao Mestre da música!


Publicado ter,14 de março, 2006, às 1:24 AM  22 comentários