Página principal

   
5 estrelas
Budismo
Ciência
Cinema
Cristianismo
Espiritismo
Filosofia
Geral
Hinduísmo
Holismo
Internacional
Judaísmo
Metafísica
Pensamentos
Política
Psicologia
Sufismo
Taoísmo
Ufologia
Videolog


Ver por mês


Últimos comentários

Retornar à página principal


QUEM PAGAS AS CONTAS?
ter, 30 de outubro, 2007
 


Sabe o que é estranho? Enquanto a economia bate recordes e o país acumula uma reserva de bilhões, o Governo "pede penico" ao Congresso pra aprovar o CPMF, pois não tem dinheiro pra saúde. Tanto que tomaram a decisão de rasgar a LEI que criou a "Contribuição" (AHAHAHHAHHAHA) "provisória" sobre Movimentação Financeira, que, como todos nós sabíamos (Governo incluso), acaba em 2008. Ora, se era provisória, e tinha data pra acabar, por que nosso querido Governo a tratou durante todos esses anos como uma arrecadação líquida e certa, indispensável pra "fechar as contas", a ponto de, caso a CPMF não passe, nosso querido dit, digo, presidente ter dito que criaria outro impost, digo, contribuição similar?

Pois é... a Saúde precisa tanto desse dinheiro, não? Basta ver como o sistema está falido... Só é estranho notar como o Governo está brigando tanto com o Congresso, pois não quer destinar mais dinheiro pra Saúde!! Como está, apenas 42% da arrecadação da CPMF é que vai pra saúde (devia ser o total, já que o terrorismo feito pelo Governo é que falta dinheiro pra saúde, não é mesmo?). Nota-se como eles estão preocupados com a saúde e bem-estar dos brasileiros, que têm um ONEROSO atendimento de primeiro mundo e nunca precisaram de planos de saúde privados.

Pois é... o Governo precisa de dinheiro urgente... Mas eis que vem agora a Copa do Mundo, que vai demandar NO MÍNIMO 5 BILHÕES DE DÓLARES (Os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, inicialmente orçados em 500 milhões de reais, estima-se que tenham consumido 4 bilhões de reais). A ilusão que nos vendem é que eventos assim se pagam com turismo, investimentos pro uso da população, iniciativa privada. Mas vá falar isso pra Grécia, um país de primeiro mundo (cuja economia está ancorada em EUROS) e que está com um rombo por conta das Olimpíadas.

Pelo relatório da FIFA, os novos estádios e as reformas seriam bancados por meio de parcerias público-privadas ou por concessões a terceiros. Só que, na prática, o levantamento da Folha mostrou que pelo menos 11 dos projetos de estádios tinham previsão de utilização de dinheiro público.

Então você e eu continuaremos pagando CPMF até 2011, sujeita a prorrogação (caso o mundo não acabe em 2012) para que nosso país continue pagando as regalias dos salários e auxílios astronômicos dos parlamentares, do cartão de crédito presidencial, das viagens de nossas autoridades (como essa agora, que foram pra Suíça apenas pra passear e aparecerem na foto), além de outras farras com dinheiro público. Além, é claro do Mensalão e mensalinhos. Afinal, pra que investir em capacitação, educação, saneamento, quando se pode fazer caridade com dinheiro dos outros e manter, assim, um curral eleitoral?

Aqui em Recife a comunidade de Boa Viagem reivindicava há MUITO TEMPO um parque. Apenas um parque, com área verde (coisa rara nesse bairro dominado pelo concreto). Conseguiram a muito custo o direito de usar um terreno abandonado da Aeronáutica, mas aí o projeto foi pra prefeitura de João Paulo (PT) executar: o que era um parque (um simples parque) virou um projeto arquitetônico de Oscar Niemeyer de um centro cultural (?!) com pavilhão para exposições, teatro e restaurante, e cuja paisagem é dominada por uma extensa área de concreto que fará um calor desgraçado (quem visitou Brasília já sabe) no meio do que deveria ser uma ÁREA VERDE?!! Tudo isso sem consultar as associações que reivindicavam... um parque. Nada mais que um parque. Após muita briga (que continua até hoje), conseguiram preservar 60% da área verde. Só que o custo, orçado inicialmente em R$ 18 milhões, foi pra R$ 29.662,711 (por conta do teatro, que o povo não pediu e não faz questão).

Que me perdoe o gênio que é o Niemeyer, mas a obra dele, nesse local específico, e neste contexto, é tão inconveniente quanto um estacionamento seria numa reserva florestal. Que se destrua a horrorosa construção que é a prefeitura e se faça um prédio de Niemeyer no local, então! Mas diminuir a (pouca) área verde de um parque, nos tempos de hoje, é um crime ambiental! Boa Viagem tem um dos maiores Shopping Centers do Brasil, tem restaurantes de todo tipo, tem uma feirinha ao ar livre com todo tipo de manifestação cultural, pra que precisa de mais uma praça de eventos?

Prefeitura do povo, para o povo? Ignorando frontalmente o povo? Onde o povo é que paga a conta? Isso é Brasil.


 
Política - publicado às 6:59 PM 32 comentários
MAIS MISTÉRIOS À VISTA
 


Funcionário Demitido da NASA Revelará Novos Segredos das Missões Apollo

(Fonte: The National Press Club, Washington DC, EUA)

Dr. Ken Johnston, ex-gerente da Divisão de Controle de Dados e Fotos do Laboratório de Recepção Lunar da NASA, durante os esforços de exploração lunar das Missões Apollo na década de 70, foi abruptamente demitido na última quinta-feira de manhã, dia 23 de Outubro de 2007, do programa da NASA Solar System Ambassador (SAA – Embaixador do Sistema Solar), no Jet Propulsion Laboratoty – JPL.

A demissão foi uma resposta direta a um artigo publicado no New York Times chamado "Dark Mission: The Secret History Of NASA" (Missão Obscura: A História Secreta da NASA), sobre como a NASA o ordenou, 40 anos atrás, a destruir imagens e dados importantes das Missões Apollo ao invés de guardá-los para o estudo acadêmico e para apresentação ao público.

Johnston irá testemunhar em uma conferência da entidade "The Enterprise Mission" patrocinada pelo National Press Club (Clube de Impressa Nacional), na próxima terça-feira, dia 30 de outubro de 2007, como ele desobedeceu estas ordens da NASA e, secretamente, preservou as imagens críticas das Missões Apollo. Johnston irá exibir algumas das fotos "perdidas" que confirmam a existência de "ruínas artificiais antigas e tecnologia na Lua", descobertas pelos astronautas das Apollos, mas legalmente classificadas através da Lei do Espaço de 1958 pela NASA, por 40 anos.

Johnston sera unirá a Richard C. Hoagland (antigo consultor da NASA e conselheiro científico do canal CBS News durante as Missões Apollo), que é co-autor do livro Dark Mission: The Secret History of NASA e está à frente da entidade "The Enterprise Mission". Hoagland irá apresentar uma análise das imagens preservadas por Johnston por 40 anos, comparando-as com versões modernas que estão sendo exibidas nos websites oficiais da NASA. Ele também irá demonstrar e analisará uma das tecnologias secretas obtida pelas equipes da Apollo, relativa ao controle artificial da gravidade.

Enquanto isso, no Japão:

Astrônomos amadores se encontrarão no próximo mês para discutir qual instituição deve ser contatada por pessoas que detectem sinais de alienígenas como parte do projeto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence).

A União Internacional Astronômica (International Astronomical Union) prescreveu que aqueles que detectarem tais sinais devem reportar primeiramente à instituições ligadas ao SETI e autoridades nacionais. No Japão, no entanto, não está decidido se esta autoridade é o Observatório Nacional Astronômico do Japão, a Agência de Exploração Aeroespacial do Japão, ou o gabinete do Primeiro-ministro. Mais de trinta pesquisadores domésticos do SETI se encontrarão nesta reunião, que será realizada no Observatório Astronômico Nishi-Harima, na região de Hyogo, no dia 4 de novembro. Eles decidiram se reunir, pois, apesar de sinais ainda não terem sido detectados, eles acreditam que o contato é iminente.

SETI é um nome genérico para uma variedade de projetos procurando sinais de vida inteligente. Este projeto está em andamento desde os anos 60, principalmente nos Estados Unidos, e inclui, além de outros métodos, análise de ondas eletromagnéticas do espaço, através de equipamentos como telescópios especiais na Universidade de Harvard. Todos podem participar do projeto on-line, na análise de grandes volumes de informação.

A União Internacional Astronômica possui um procedimento específico antes de qualquer anúncio de "contato" seja feito. Isto ocorre porque a informação não pode ser espalhada até que a confiabilidade da informação seja confirmada. A instituição relevante deve primeiramente investigar o sinal. Se for confirmado que ele vem de alienígenas, deverá ser reportado para o secretário geral das Nações Unidas e outros oficiais através do observatório central da UIA.

O observatório de Nishi-Harima vem buscando por sinais de vida extraterrestre desde setembro de 2005 com o seu telescópio astronômico Nayuta. Sua abertura de dois metros o torna o maior do país.

Abro aqui um parêntese pra falar de um sinal "inteligente" que foi captado em 1977, pelo Dr. Jerry Ehman, usando o rádio-telescópio "Big Ear", da Universidade de Ohio, nos EUA. O sinal foi tão forte que ele escreveu, do lado do gráfico: "Wow!" (uau!), e assim ficou conhecido o sinal até hoje, que é famoso por preencher todas as características de uma comunicação de origem extra-terrestre. Sua origem é incerta (veio da Constelação de Sagitário), e infelizmente o sinal nunca mais foi captado novamente (e não foi por falta de tentativas), o que faz a comunidade científica preferir colocá-lo "de lado" como um fato verdadeiro, mas embaraçoso.

Enquanto isso, na Itália:

Sicília atacada por Aliens?

Tradução: Milton Dino Frank Junior

Uma série de incêndios estranhos em uma aldeia podem ter sido causados através de teste de armas de extraterrestres, pelo menos é o que os funcionários do governo italiano acreditam.

Um relatório sobre estes incêndios ainda misteriosos em aparelhos de TV e telefones celulares creditou o fato a criaturas do espaço exterior. Canneto di Caronia foi o centro das atenções mundial há três anos, depois que os habitantes do local informaram que uma série de objetos estava estourando e ficando em chamas em suas casas diariamente. Filmes de TVs e notícias mostraram na ocasião vários eletrodomésticos, fogões elétricos, pilhas mobílias e outros objetos caseiros em chamas sem que houvesse um motivo lógico para esta ocorrência. Dúzias de peritos, inclusive cientistas, engenheiros eletricistas e pessoal militar, chegou na aldeia em Sicília, a 60 milhas a leste de Palermo, para investigar o fenômeno.

A forma desgovernada que o incêndio estava ocorrendo estava deixando os cientistas pasmos. Um destes cientistas foi entrevistado depois que ele descreveu como ele viu um cabo elétrico desligado estourar em chamas. Os habitantes do local prontamente atribuíam o fato a forças sobrenaturais. Na ocasião, o chefe de exorcismo do Vaticano, Pai Gabriele Amorth, afirmou o seguinte: "Eu vi coisas assim antes. Demônios ocupam uma casa e se materializam em bens elétricos". "Não esqueçamos de Satanás e os seus seguidores que tem imensos poderes".

Agora um relatório interino feito pelo departamento de proteção civil sobre as coisas estranhas que aconteceram naquela época foi publicado em vários jornais italianos. A investigação já leva dois anos e custou por volta de um milhão de euros. Este relatório interino conclui que provável causa era "Teste de armas secretas de extraterrestres". A conclusão que os extraterrestres foram os responsáveis teve apoio no testemunho de numerosos residentes do local que afirmaram ter visto ÓVNIS em cima de suas casas na hora em que o fenômeno ocorria. De acordo com o relatório, os incêndios foram causados pelo alto poder de emissões eletromagnéticas que não eram de origem humana porque estas alcançaram uma potência entre 12 e 15 giga watts.

O relatório também contém detalhes de um suposto OVNI que pousou em Caronia, relacionando ao fato a alguns incêndios espontâneos e ainda "algumas marcas de solo queimado que foram achado no campo que não foram explicadas". Ontem, Francesco Mantegna Venerando, chefe de proteção civil da Sicília, disse: "Este não é o relatório final". "Nós estamos ainda trabalhando em nossas conclusões". "Nós não estamos dizendo que pequenos homens verdes de Marte são os responsáveis pelos os incêndios que aquelas forças antinaturais foram capaz de criar com grande quantidade de energia eletromagnética".

"Esta é apenas uma possibilidade. Nós também estamos investigando sobre a possibilidade destes incêndios espontâneos terem sido causados devido a testes de armas secretas por um desconhecido poder que também fosse capaz de produzir uma quantidade enorme de energia".

Ontem à noite, o prefeito da cidade Giuseppe Collura estava indisponível para dar o seu parecer quanto a esta questão.


 
Ufologia - publicado às 2:00 PM 60 comentários
TAO: AS VIRTUDES DO SÁBIO
seg, 29 de outubro, 2007
 


(Lao Tsé; Tao Te Ching - verso 15)

Antigamente os homens Sábios eram sutis, penetrantes, profundos
Difícil era compreendê-los.
É porque não podemos entendê-los que nos esforçamos em descrevê-los:
Eram cautelosos como quem atravessa um rio no inverno.
Prudentes como quem teme os vizinhos. Reservados como hóspedes.
Indiferentes como o gelo ao derreter-se.
Simples como a madeira não trabalhada. Amplos como o vale.
Impenetráveis como as águas turvas.
Quem pode trazer a claridade antes da hora do amanhecer?
Quem pode acalmar as águas do lago antes da tormenta passar?
Aquele que segue estes princípios não guarda desejos.
Quem guarda desejos permanece pequeno.
Sendo pequeno não se criam novas coisas.
Tao Te King - Albe Pavese (Ed. Madras)

Comentários de Huberto Rohden:
Estas palavras de suprema sabedoria foram escritas 6 séculos antes da Era Cristã. Não terá havido uma tremenda decadência nesses 26 séculos? Verdade é que, ainda hoje, existe, em alguns Mestres, essa sabedoria - mas quão poucos são eles! A massa profana tripudia, ignara, sobre as coisas sagradas e executa a sua dança macabra em torno do bezerro de ouro - enquanto Moisés trava o seu silencioso solilóquio com o Infinito, no impenetrável cume do Sinai.
Mas... uma pequena elite anônima preserva da extinção o fogo sagrado.


 
Taoísmo - publicado às 3:54 PM 16 comentários
DETETIVES SOBRENATURAIS
sex, 26 de outubro, 2007
 


Ouvindo as histórias da família, constato que eu descendo de uma longa linhagem de Fox Mulders. :)

Minha mãe conta que seu avô (meu bisavô), caboclo do interior da Paraíba, adorava lhe contar histórias, e certa vez ele contou a ela que nunca acreditava em sobrenatural (crença muito comum no interior).

Havia (ainda há, em alguns lugares) o costume de, antes de partir pra caçar (sim, naquele tempo não havia supermercado), os homens colocavam, na "boca da mata", uma tigela com uma espécie de mingau, para o espírito protetor da floresta favorecer/autorizar a caça. Tal espírito era conhecido por Cumadre Florzinha (Curupira, em outros lugares), que, se contrariada, vingava-se fazendo tranças na crina e rabo do cavalo. Rezava a lenda de que ela não gostava de alho (por algum motivo os espíritos parecem não gostar de alho, mesmo), e assim meu bisavô resolveu testar essa lenda. Mandou fazer o mingau com BASTANTE alho e levou pra boca da mata. Resultado: não caçou nada, e quando voltou seu cavalo estava tão trançado, mas tão bem trançado, que foi impossível desfazer as tranças, tendo de cortar tanto a crina como o rabo. Ele ainda pensou que pudesse ser uma peça dos seus amigos, mas ele disse que não dava TEMPO de fazer tranças como aquela. Passou a acreditar.

Décadas depois, vem a ser meu avô (filho desse bisavô), homem inculto do interior de Pernambuco, mas com mania de iluminista, que vai desafiar as crenças no sobrenatural. Corria a lenda de que uma escola da cidade era mal-assombrada pelo espírito de uma professora que morrera de tuberculose. Não havia um vigia sequer que permanecesse no local à noite. Meu avô sempre foi cético e crítico com essas coisas, e seus amigos o desafiaram a dormir nessa escola. Ele, juntamente com seu irmão, topou. Os amigos prometeram vigiar de fora, pra ver se eles iriam dormir mesmo (mas duvido que tivessem tido coragem). Desconfiado, meu avô trancou bem todas as portas e janelas, colocando escoras e cadeiras nelas, pra evitar que os amigos entrassem pra fazer brincadeiras. Revistaram todas os cômodos, se certificaram de que estavam sozinhos. Resultado: ambos não conseguiram dormir a noite toda. Sons de campainha de professor enchiam a sala, vindos de lugar nenhum. Risos e barulho de crianças, sons de dezenas de livros caindo (e quando corriam pra olhar, todos os livros da estante estavam no lugar), e um sopro que apagava o candieiro que eles usavam pra investigar. Enfim, um inferno, mas eles passaram a noite lá. Saíram no outro dia admitindo que havia "algo" ali, mas sem dar o braço a torcer. Aliás, meu avô, com quase 100 anos, ainda relutava muito em admitir a existência de espíritos, apesar dele ver algumas pessoas andando por dentro de casa.

Como ele era farmacêutico, tinha de atender pacientes às vezes de madrugada, no mais escuro da noite, no meio do sertão. Voltando de um atendimento desses, percebeu que seu cavalo se assustou. Começou a não querer avançar, pinotar, etc. Olhou pra frente e distinguiu, numa ponte, um homem de casaco longo. Já haviam falado pra meu avô que aquela ponte tinha assombração, mas ele (pra variar) nunca acreditou. Não sei se ele achava que era brincadeira ou não tinha outra opção, mas o fato é que ele continuou forçando o cavalo a avançar em direção ao misterioso homem de capote. O cavalo quase o derruba no chão, mas aí ele lembrou das superstições, que dizem que, pra "cortar" o medo do cavalo, basta deitar uma faca entre as orelhas do animal (queria saber como que descobrem isso!). Ele o fez, e funcionou. O cavalo seguia, tenso de medo, se contorcendo todo, mas seguia. Meu avô passou ao lado desse homem na ponte, sem nem olhar pra cara dele, e seguiu viagem...

Algum tempo depois foi a vez da minha avó ver seu fantasma. Quando minha mãe era um bebê, minha avó costumava acordar várias vezes durante a noite pra olhá-la. Numa dessas espiadas, ela viu uma mulher entrar por uma porta fechada, olhar a criança (minha mãe) na rede, cobri-la e balançar a rede levemente. Depois sair pela porta aberta, bem do lado da minha avó, que ficou obviamente desconcentada.

Muitas décadas depois, foi a minha vez de ter minha própria história de fantasma!

Eu adoro essas coisas!


 
Pensamentos - publicado às 11:24 AM 44 comentários
ASCENÇÃO DE HITLER
ter, 23 de outubro, 2007
 


Vocês devem estar enjoados de tanto que eu já disse que sou um aficionado pela 2ª guerra. Mas essa colocação é importante no contexto do post. Já li os livros de Stephen Ambrowse, com a visão dos soldados dos EUA, li "Stalingrado", com a visão dos soldados da URSS, li um pouco das memórias de Churchill (Inglaterra), vi dezenas de documentários, e me dediquei a ler a biografia definitiva de Hitler, cujo nome é... "Hitler", de Joachim Fest (cujos escritos inspiraram o filme "A Queda"), dois calhamaços de quase 1.000 páginas cada, de leitura difícil, mas que foi uma das mais reveladoras da política mundial e da natureza humana que já li. Tudo o que eu achava que sabia de 2ª guerra até hoje foi jogado por água abaixo.


Continuar a leitura

 
5 estrelas, Política - publicado às 10:57 PM 90 comentários
UFO NA LUA
seg, 22 de outubro, 2007
 


Um dos melhores e mais reveladores vídeos da Ufologia mundial. Um UFO foi filmado por um astrônomo amador tendo como pano de fundo a Lua. Acho até que demorou pra alguém ver e registrar algo do tipo! A trajetória e o tamanho do UFO não deixam dúvidas: não é daqui.



Download em boa resolução

O avistamento remonta ao 29 de abril deste ano, efetuada de uma estação situada em Busto Arsizio (província de Milão), e foi divulgada num portal meteorológico pelo autor da filmagem, o astrônomo amador Alberto Mayer. Alberto não se limitou a filmar cuidadosamente o acontecimento, mas também realizou um vídeo com as montagens das diversas tomadas, para que facilitasse o entendimento da trajetória e da velocidade do objeto em relação ao nosso satélite natural.

A filmagem realmente nos deixa de queixos caídos, particularmente pela nitidez e pela trajetória do objeto, que exclui, a priori, um satélite artificial ou qualquer outro meio convencional. O astrônomo conta as circunstâncias do avistamento:

"Na tarde do dia 29 de abril estava eu ajustando o foco da câmera acoplada a um telescópio. O zoom e a elevada turbulência atmosférica tornavam muito complicado o ajuste. A imagem da Lua aparecia tremida, mas logo percebi a existência de um pontinho negro no limbo de nosso satélite. No momento, achei que pudesse ser sujeira, partículas de poeira presentes no sensor da videocâmera. Mas ,em seguida, após uma observação mais cuidadosa, me dei conta de que este pontinho se movia lentamente e apresentava as típicas distorções produzidas pela turbulência atmosférica. Nesse momento iniciei a filmagem, meio estabanado, com a esperança de obter as imagens mais nítidas possíveis."

"A primeira hipótese, isto é, aquela de se tratar de um satélite geoestacionário, - explica Alberto ao site MeteoLive - foi descartada após as primeiras análises dos dados, ainda que, com efeito, a área examinada coincidia com a trajetória do satélite GeoSync, mas as dimensões não batiam. Com efeito, o objeto filmado devia ter algo em torno de um quilômetro e a possibilidade de se tratar de um satélite artificial era inconcebível.

A segunda hipótese, isto é, a de ser um balão ou sonda, parecia ser a mais plausível em um primeiro momento, mas também nesse caso, com base em cálculos trigonométricos, as dimensões e as perspectivas também não se encaixavam, nem mesmo com o horário do avistamento, já que estava muito distante de qualquer base aérea ou aeroportuária."

O astrônomo também foi auxiliado em suas pesquisas de identificação do objeto por um grupo chamado Astrofili Sheratan.

Ao que parece, foram deixadas de lado as teorias que falam de satélites artificiais e dos balões-sonda, sendo cogitada até mesmo a hipótese de se tratar de uma bexiga comum. Tais hipóteses, na realidade, não se sustentam e ainda deixam mais dúvidas, devido a trajetória do objeto, mas também pela nitidez dos contornos, pois, caso se tratasse mesmo de uma bexiga (ou de qualquer outra coisa próxima da objetiva) teria obrigatoriamente de ter seu foco incoerente com o foco da lua.

Fonte do artigo: Ufologia.net
Traduzido por: Roberto C. Pintucci / Revista UFO


ARREPENDAM-SE DE SUAS BRINCADEIRAS COM JAN VAL ELLAM, POIS ISTO É UM SINAL INDELÉVEL DE QUE JESUS ESTÁ CHEGANDO, E COM ELE...



Ler em espanhol (por Teresa)


 
Internacional, Ufologia - publicado às 1:01 AM 146 comentários
TROPA DE ELITE
sex, 12 de outubro, 2007
 


Dois soldados do BOPE (Tropa de Elite da PM) olham de cima de um telhado uma transação no morro, onde policiais corruptos entregam fuzis do exercito para traficantes. O tempo todo eles estão na mira telescópica de um dos soldados, que só aguarda a ordem do Capitão pra executá-los. Este vacila, diz que os policiais já estão cercados, mas depois dá de ombros e fala uma frase que se tornou célebre na internet: senta o dedo nessa porra! Nasce nesse exato momento o mais novo herói brasileiro: Capitão Nascimento, o homem que fez Chuck Norris pedir pra sair do treinamento pro BOPE. Dizem que, empolgado com o símbolo da Caveira, o Satanás em pessoa entrou pro curso preparatório, mas pediu pra sair quando o Capitão Nascimento falou: "Sr. 666, o senhor é o novo Xerife".

Cinema é a arte de manipular uma platéia por toda a duração do filme. Pegá-la pelo estômago e conduzi-la através das cenas, para que se sintam transportadas a outra realidade. O filme Tropa de Elite faz isso como nenhum outro do cinema nacional, nem mesmo Cidade de Deus (que chegou bem perto). Tropa de Elite é o nosso Pulp Fiction, um fenômeno não só cultural, mas social. Sim, social, porque esse lado do filme foi ignorado por meses, enquanto as cópias piratas proliferavam nos camelôs, e foi uma grata surpresa quando vi no cinema um roteiro com profundidade que dá margem a HORAS de conversa sobre Foucault, psicologia, direito, sociologia, tráfico, violência, papel da polícia, papel do Estado, corrupção, enfim...

Foi com grande alegria que constatei que Capitão Nascimento, mesmo não tendo sido intenção do diretor, se tornou um herói brasileiro. Num país que segue à risca a Lei de Gérson, e que se identificou com o Zé Pequeno, agora tem, pelo menos, alguém que quer preservar a lei e a ordem. "Faca na caveira, e nada na carteira" é o lema do BOPE. Nós, cidadãos que pagamos os impostos e temos que aturar tanta roubalheira descarada dos políticos, ouvimos isso como música. Pena que eles não façam incursões ao Congresso e ao Senado.

Certos PMs ficaram revoltados com o filme, intimando inclusive o diretor e o roteirista a depor. Afinal, o roteiro não foi muito lisongeiro ao mostrar as táticas de "0800" e "segurança particular" que todos nós sabemos que muitos PMs fazem mas não gostam que falem. Mas recentemente uma penca deles foi presa por corrupção, inclusive um coronel.

Após o filme você poderá pensar: Será que toda a corrupção e os esquemas que o filme mostra têm embasamento? Pode apostar que sim, e tende a ser pior. O filme é baseado no livro "Elite da Tropa", do capitão reformado da Polícia Militar (e colaborador do filme) Rodrigo Pimentel, e do ex-secretário Nacional de Segurança Pública, Luiz Eduardo Soares (co-autor). Ou seja, gente de dentro.

E assim a sociedade vira refém e, ao mesmo tempo, financiadora de bandidos. Quem compra droga não é favelado, não é morador de morro. É gente com grana. Gente com muita grana e pouco juízo, do tipo que atira ovos nas pessoas e não acha nada demais nisso. Gente que só pára pra pensar na violência quando é assaltado, e a única medida que tomam é blindar o carro. "Fodam-se os outros, eu quero é garantir o meu: meu dinheiro, meu conforto, minhas drogas, meu bem-estar. Se eu estou legal com minha ervinha, que mal há nisso? Se eu não comprar a aquele vapor, outro vai e compra. Gente não vai faltar". Enquanto isso estudam direito ou economia (com uma tal de "relação entre oferta e demanda" que eles só entendem na prova). Acho até que, no filme, faltou um certo playboyzinho ir pro saco...

Enquanto isso uma PM desestruturada, com cargos sendo negociados por políticos, baixos salários e corrupção generalizada, ainda assim possui bons policiais, que sobem o morro com um 38 pra enfrentar bandidos armados de fuzil, ou que protegem com a própria vida o cidadão. É como o Capitão Nascimento diz no filme: "Nesta cidade, todo policial tem de escolher: ou se corrompe, ou se omite, ou vai pra guerra". Como ir pra guerra sendo um gentleman? Como conciliar a vida social com a violência que É parte integrante de seu trabalho nas ruas?
O cerne do filme é a questão da vida do policial. Ser policial é um trabalho de 24x7, em detrimento de sua vida pessoal. Ser policial num lugar de guerrilha como o RJ e tentar levar uma vida social (nos desfazendo da máscara/persona policial, como nós, como um sapateiro ou vendedor faz após o expediente) pode colocar em risco a própria vida, ou a das pessoas próximas a ele. Sobra então o papel de policial full time, e um comprometimento desses pode levar a pessoa a uma personalidade (máscara, persona) nada agradável.

Ironicamente, tanto o Capitão Nascimento como o "Baiano" (o líder da boca) são, indiretamente, duas vítimas e criações de um "inocente" grupo de estudantes do Leblon. Não só eles, claro, mas de toda uma ELITE que financia a droga do tráfico.

Recomendo a todos do blog que assistam o filme (de preferência pagando) e teçam seus comentários (senta o dedo nessas teclas!). Nossa sociedade precisa botar os pés no chão e encarar seus papéis face ao quadro dramático da violência.


Referência: Capitão Nascimento, o herói indesejado;
Tropa de Elite fora da festa do Oscar;
Luciano Huck e a tropa "das elites"


 
Cinema - publicado às 10:11 PM 255 comentários
TAO: DECADÊNCIA E VOLTA À PUREZA
qua, 10 de outubro, 2007
 


(Lao Tsé; Tao Te Ching)

Verso 18 - DECADÊNCIA

Quando o Tao se perde, fala-se de humanidade e justiça.
Quando aparecem a instrução e as regras de etiqueta, há grandes hipócritas.
Quando as relações familiares não são harmoniosas, fala-se de amor filial e amor paterno.
Quando há desordem e confusão no país, fala-se de amor à pátria.
Onde reina a harmonia está o Tao.
Quando o Tao se perde aparece a falsidade.
Tao Te King - Albe Pavese (Ed. Madras)

Comentários de Huberto Rohden:
A tirania do ego intelectual sobre o Eu racional é a raiz do caos e da infelicidade da humanidade. O ego intelectual, sendo unilateral, causa desequilíbro na vida humana, ao passo que o Eu racional (espiritual), sendo unilateral, cria perfeita harmonia na vida. Por Moisés foi dada a lei (direito do ego) - pelo Cristo veio a Verdade, veio a Graça (justiça do Eu).

Comentários do Saindo da Matrix:
Quanto mais rígidos nos tornamos pra combater uma desarmonia, mais desarmônicos nos tornamos. Essa invocação do "politicamente correto" que temos hoje só nos mostra em que ponto chegamos. A natureza é sábia, tende a uma harmonia/entropia que nos guia (nem sempre da forma que queremos, é verdade). Não devíamos precisar de cartilhas ou campanhas pra saber o que é correto. O "amai uns aos outros" funciona que é uma beleza. Nossa Constituição brasileira é a mais avançada do mundo, nosso código penal é dos mais detalhados, e isso tem nos adiantado de algo? Quanto mais se aperta um punhado de areia nas mãos, mais ela escapa. O que fazer?


Verso 19 - VOLTA À PUREZA

Descarta o intelecto e rejeita o conhecimento externo,
e o povo ganhará cem vezes mais.
Suprime o moralismo e anula o dever,
e o povo voltará à Justiça e à compaixão.
Anula a astúcia e joga fora o lucro,
e não haverá mais ladrões nem bandidos.
Para que estes preceitos não sejam como letra morta,
cuida para que os homens possam confiar em alguma coisa.
Sê simples, abraça o natural.
Restringe os interesses próprios e anula os desejos.
Suprime o conhecimento externo de todas as coisas e acabarão tuas preocupações.
Tao Te King - Albe Pavese (Ed. Madras)

Comentários do Saindo da Matrix:
Não precisamos de leis, não precisamos de coação. Precisamos, sim, de educação! Descartar o intelecto e rejeitar o conhecimento externo não significa, obviamente, queimar livros e banir a ciência. Nem é uma apologia ao comunismo (ironicamente a China hoje é um poço de hipocrisia "comunista"). É sim um indicativo de que, há séculos, vivemos num mundo artificial, distante da natureza e da harmonia do Tao, e que, se queremos dar um freio nisso, prcisamos nos voltar pra intuição, pra nosso interior. Às vezes gosto de ver a vida simples do campo, de alguma cidade do interior. Suas pessoas, seu ritmo, suas ruas quase desertas. Não há placas de contra-mão, proibido estacionar, não há guardas e não há ladrões. E pensar que bastam apenas alguns visitantes de fora pra desarmonizar uma cidade toda...


 
Taoísmo - publicado às 12:26 PM 45 comentários
AND WE ALL SHINE ON!
ter, 9 de outubro, 2007
 



Happy birthday, Johnny!

 
Geral - publicado às 9:51 AM 27 comentários
KEN WILBER: AUSÊNCIA DO EGO
sex, 5 de outubro, 2007
 


Do livro One Taste, de Ken Wilber

Tradução e notas de Ari Raynsford

Justamente porque o ego, a alma e o Eu (Self) podem estar presentes ao mesmo tempo, não será difícil entender o sentido verdadeiro de "ausência do ego" – expressão que tem causado imensa confusão. Ausência do ego não significa a ausência de um eu (self) funcional (o que seria próprio de um psicótico e não de um sábio); significa que não estamos mais exclusivamente identificados com aquele eu.

Um dos muitos motivos de não sabermos lidar com a noção de "ausência do ego" é que desejamos que nossos "sábios sem ego" satisfaçam às nossas fantasias relativas a "santidade" ou "espiritualidade", o que, habitualmente, significa que essas pessoas estejam mortas do pescoço para baixo, livres das vontades ou desejos da carne, eternamente sorridentes. Desejamos que esses santos não passem por todas as coisas que nos incomodam – dinheiro, comida, sexo, relacionamentos, desejos. "Sábios sem ego" estão "acima de tudo isso" – assim desejamos. Queremos cabeças que falem. Acreditamos que a religião bastará para livrá-los de todos os instintos básicos, de todas as formas de relacionamento, considerando a religião, não como orientação para viver a vida com entusiasmo, mas, sim, como guia para evitá-la, reprimi-la, negá-la, fugir dela.


Continuar a leitura

 
Filosofia, Internacional, Psicologia - publicado às 11:09 AM 93 comentários
TAO: RETORNO À ORIGEM
ter, 2 de outubro, 2007
 


(Lao Tsé; Tao Te Ching - verso 16)

Quem conserva o Vazio Absoluto permanece na Paz Perfeita.
Todas as coisas têm uma mesma origem.
Contemplamos sua evolução e seu retorno.
Depois que as coisas florescem retornam a sua Origem.
Retornar ao Princípio é repousar.
Repousar é encontrar o Novo Destino.
Voltar ao Destino é conhecer o Permanente.
Conhecer o Permanente é a iluminação .
Quem não conhece o Permanente não chega a bons resultados.
O conhecimento disto torna o homem tolerante e magnânimo, por isso
se assemelha a um Rei.
Sendo um rei se assemelha ao Supremo.
Pois seguiu o caminho Perfeito e uniu-se ao Tao.
Alcançando o Tao terá Vida Eterna e, embora seu corpo desapareça,
ele nunca perecerá.
Tao Te King - Albe Pavese (Ed. Madras)

Comentários de Huberto Rohden:
Quando o homem ego-pensante se torna cosmo-pensado cedo ou tarde acaba por ser cosmo-pensante: o seu pequeno pensar egóico passa a expandir-se no grande pensar cósmico. No princípio, parece que o seu ego-humano sofre prejuízo, perecendo; mas, por fim, verifica que, na linguagem do Mestre, o grão de trigo (ego) não morre realmente, mas expande a sua estreiteza na largueza da planta frutífera (Eu).
As palavras de Lao-Tsé acima reproduzidas são uma perfeita paráfrase a essas palavras do Nazareno; ou ainda as palavras de Paulo de Tarso; "Eu morro todos os dias - e é por isso que eu vivo".
Todas as verdades dos grandes Mestres da humanidade aparecem sob a forma de paradoxos.


 
Taoísmo - publicado às 1:05 PM 62 comentários