Página principal

   
5 estrelas
Budismo
Ciência
Cinema
Cristianismo
Espiritismo
Filosofia
Geral
Hinduísmo
Holismo
Internacional
Judaísmo
Metafísica
Pensamentos
Política
Psicologia
Sufismo
Taoísmo
Ufologia
Videolog


Ver por mês


Últimos comentários

Retornar à página principal


ASTRONAUTAS E OS UFOS
qui, 27 de outubro, 2005
 


Astronauta afirma ter visto UFO:

Fonte: Ufovia; 20/10/2005

Após 36 anos de efetivação da celebre missão lunar Apolo 11, o segundo astronauta que pisou nosso satélite natural declarou publicamente que um Objeto Voador Não Identificado acompanhou a nave Apolo 11 em sua chegada à Lua. A declaração é recente e foi concedida ao canal da televisão norte-americana Science, durante o programa "Primeiro na lua: a história não contada".

O que dirão os astrônomos, científicos e céticos em geral sobre o depoimento de um astronauta e a realidade do fenômeno UFO? Aldrin estaria mentindo?

No citado programa de televisão, Buzz Aldrin apresenta uma seqüência de 3,5 minutos do vídeo captado durante aproximação à lua, onde aparece um objeto muito estranho que acompanha a Apolo. Inclusive, Michael Collins tomou o telescópio de bordo e pôde observar o objeto que, indubitavelmente, era um genuíno UFO. A princípio suspeitavam se tratar de um componente da nave chamado S-IVB, a última etapa do propulsor do Apolo, que dois dias antes se tinha desprendido. No entanto, esta possibilidade foi descartada pelos mesmos astronautas e os controladores da NASA. Durante a missão seria um risco enorme mencionar o acontecimento por temor às criticas ou ao ridículo, por este fato a NASA não permitiu a divulgação.

Agora a situação mudou, depois da declaração de Aldrin e a apresentação de um vídeo oficial da NASA. Indubitavelmente sairão à luz mais depoimentos contundentes de astronautas e pilotos tanto militares como comerciais, que se sentirão mais à vontade após esta declaração histórica.


Continuar a leitura

 
Ufologia - publicado às 10:03 PM 81 comentários
IMAGINE THERE'S NO WEAPONS
 


Imagine there's no countries
It isn't hard to do
Nothing to kill or die for
And no religion too

Kennedy é golpeado com uma pedra numa frustrada tentativa de assassinato. A polícia de Dallas prende suspeito.

Imagine no possessions
I wonder if you can
No need for greed or hunger
A brotherhood of man

Martin Luther King é atingido por uma garrafa em Memphis. Um branco é suspeito.

You may say that I'm a dreamer
But I'm not the only one
I hope someday you'll join us
And the world will live as one

Lennon é atacado com um galho na porta de seu prédio. Os médicos esperam plena recuperação.


 
Política - publicado às 1:43 AM 29 comentários
INTERAÇÃO ESPÍRITO-MATÉRIA
qua, 26 de outubro, 2005
 


O espírito Joanna de Ângelis nos fala sobre as doenças psico-somáticas e o importantíssimo papel da mente na saúde:

O ser humano é um conjunto harmônico de energias, constituído de Espírito e matéria, mente e perispírito, emoção e corpo físico, que interagem em fluxo contínuo uns sobre os outros.

Qualquer ocorrência em um deles reflete no seu correspondente, gerando, quando for uma ação perturbadora, distúrbios, que se transformam em doenças, e que, para serem retificadas, exigem renovação e reequilíbrio do fulcro onde se originaram.

Desse modo, são muitos os efeitos perniciosos no corpo causados pelos pensamentos em desalinho, pelas emoções desgovernadas, pela mente pessimista e inquieta na aparelhagem celular.

Determinadas emoções fortes - medo, cólera, agressividade, ciúme - provocam uma alta descarga de adrenalina na corrente sanguínea, graças às grândulas supra-renais. Por sua vez, essa ação emocional, reagindo no físico, nele produz aumento da taxa de açúcar, aliada a forte contração muscular, face à volumosa irrigação do sangue e sua capacidade de coagulação mais rápida.

A repetição do fenômeno provoca várias doenças, como a diabetes, artrite, hipertensão... Assim, cada enfermidade física traz um componente psíquico, emocional ou espiritual correspondente. Em razão da desarmonia entre o Espírito e a matéria, a mente e o perispírito, a emoção (os sentimentos) e o corpo, desajustam-se os núcleos de energia, facultando os processos orgânicos degenerativos provocados por vírus e bactérias, que neles se instalam.


Continuar a leitura

 
Espiritismo - publicado às 2:45 PM 33 comentários
O UMBRAL
qua, 19 de outubro, 2005
 


Umbrais existem, e nem são tão feios quanto dizem

Por Bene, na lista Voadores

A explicação para eles é bem lógica e até banal:

Após a morte física, as pessoas tendem a ir para outros planos, que irão variar de acordo com o próprio grau de sutilização, etcétera e tal.

Pessoas que levem vida mais desregrada (uso aqui este termo de forma propositalmente genérica, sem tentar definir o que seja "vida desregrada", visto que cada um terá diferentes definições para isto) tendem a ser mais dependentes e apegadas às coisas deste mundo e assim, após a morte física, acabam permanecendo em planos bem próximos a este, de onde inclusive terão maiores possibilidades para tentar satisfazer os vícios e necessidades que ainda conservam em si como reminiscências de seus tempos de encarnadas.

Aí acabarão por embarcar num nocivo círculo vicioso de roubo de energia vital de encarnados (vampirismo necessário para que possam permanecer nas redondezas deste nosso plano) e "usufruto" desta energia roubada, ou seja, satisfação ou pseudo-satisfação dos densos objetivos que as mantêm nestes planos.

"Umbral" quer dizer fronteira, divisa. E realmente, como foi explicado, estas colônias e regiões são fronteiriças ao nosso mundo físico.

Mas por que então seriam lugares tipicamente tristes e decrépitos, se todos que estão lá estão reunidos por compartilharem da mesma sintonia?

A explicação é que imensos aglomerados de entidades de baixa densidade, como o são estes bairros astrais, tenderão naturalmente a ser extremamente heterogêneo, em termos de população.

E assim, o vício de um daqueles infelizes poderá ser o tormento do outro, cujo comportamento, por sua vez, fará a desgraça daquele um, ou de um terceiro, numa roda viva a la Jean Paul Sartre, onde "o inferno são os outros".

Tal e qual numa prisão, onde você não pode escolher seus companheiros de cela.

Mas mesmo assim, uma questão muito mais de sintonia do que de culpa, castigo, punição, etc.

Tanto que projetores astrais em momentos de má sintonia podem mesmo acabar passeando por tais plagas, em suas projeções, quase sempre contra a vontade.

Umbral é isto. Apenas isto. Não entrarei aqui nos aspectos espiritualistas e filosóficos que nos ensinam as formas de escapar dele, ou de elevar a sintonia para criar afinidades com planos mais elevados, pois para isto temos brilhantes oradores e escritores, com suas centenas de páginas, parábolas e palestras.

E mesmo porque acredito que cada um por aqui saiba, pelo menos intuitivamente, o que deve e não deve fazer para permanecer longe dele.


 
Espiritismo, Metafísica - publicado às 2:24 AM 13 comentários
O MESTRE
ter, 18 de outubro, 2005
 


Nos últimos anos tem havido nos movimentos espiritualistas um processo de "canonização" de personalidades esotéricas muito similar ao ocorrido na Igreja Católica, onde pessoas como Escrivá de Balaguer, Pio IX e Nicolau II viraram "Santos", com auréola e tudo... Antigamente, os santos não precisavam ser canonizados por autoridade eclesiástica: O próprio povo os venerava como exemplos de vida. Assim são os verdadeiros Mestres.

Tendo Jesus entrado no templo, e estando a ensinar, aproximaram-se dele os principais sacerdotes e os anciãos do povo, e perguntaram:
Com que autoridade fazes tu estas coisas? e quem te deu tal autoridade?
Respondeu-lhes Jesus: Eu também vos perguntarei uma coisa; se me disserdes, eu de igual modo vos direi com que autoridade faço estas coisas. O batismo de João era do céu ou dos homens?
Ao que eles arrazoavam entre si: Se dissermos: do céu, ele dirá: Por que não crestes? Mas, se dissermos: Dos homens, todo o povo nos apedrejará; pois está convencido de que João era profeta.
Responderam, pois, a Jesus: Não sabemos.
Replicou-lhes Jesus: Nem eu vos digo com que autoridade faço estas coisas.

(Mat 21:23-27 / Luc 20:1-8)

Notem que Jesus estava falando com as principais autoridades eclesiásticas de seu tempo!! A autoridade surge do povo, de baixo para cima, na escala social, que geralmente é inversamente proporcional à escala moral e espiritual.

Mas o ser humano sempre foi carente de libertadores, sempre ficou esperando que façam por ele aquilo que ele mesmo não é forte para fazê-lo. Esquecem das lições do Mestre Jesus, que dizia: "Se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele há de passar; e nada vos será impossível." O Mestre é um facilitador, não um libertador. Guru é uma palavra em sânscrito que significa literalmente: Aquele que dispersa a escuridão. Isso não significa que devamos abolir os Mestres. Fazer isso seria admitir que não estamos na escuridão (estaríamos, então, já iluminados?), mas não devemos nos esvaziar e colocar nossos medos e anseios em uma religião, grupo, guru ou mestre espiritual. Estaremos apenas adiando o inevitável: o confronto com nós mesmos.


Continuar a leitura

 
Holismo - publicado às 5:30 PM 27 comentários
REGRAS DE OURO
ter, 11 de outubro, 2005
 


Cristianismo:
- "O que quereis que os homens vos façam, fazei-o também a eles."
Lucas 6:31

Budismo:
- "Não firas os outros de um modo que não gostarias de ser ferido."
Udanda-Varqa 5:18

- "De cinco maneiras um verdadeiro líder deve tratar seus amigos e dependentes: com generosidade, cortesia, benevolência, dando o que deles espera receber e sendo tão fiel quanto à sua própria palavra."
Digha Nikaya iii.185-91, Sigalovada Sutta

Zoroastrismo:
- "Aquela natureza só é boa quando não faz ao outro aquilo que não é bom para ela própria."
Dadistan-i Dinik 94:5

Judaísmo:
- "O que te é odioso, não faças ao teu semelhante. Esta é toda a Lei, o resto é comentário."
Talmude, Shabbat 31a

Hinduísmo:
- "Esta é a soma de toda a verdadeira virtude: trate os outros tal como gostarias que eles te tratassem. Não faças ao teu próximo o que não gostarias que ele depois fizesse a ti."
Mahabharata

Islamismo:
- "Nenhum de vós é um crente até que deseje a seu irmão aquilo que deseja para si mesmo."
Sunnah

Taoísmo:
- O homem superior "deve apiedar-se das tendências malignas dos outros; olhar os ganhos deles como se fossem seus próprios, e suas perdas do mesmo modo."
Thai-Shang

Confucionismo:
- "Eis por certo a máxima da bondade: Não faças aos outros o que não queres que façam a ti."
Analectos XV,23

Fé Bahá'í:
- "Não desejar para os outros o que não deseja para si próprio, nem prometer aquilo que não pode cumprir."
Gleenings

Sikhismo:
- "Julga aos outros como a ti mesmo julgas. Então participarás do Céu."

Jainismo:
- "Na felicidade e na infelicidade, na alegria e na dor, precisamos olhar todas as criaturas assim como olhamos a nós mesmos."


Fonte: O Evangelho à Luz do Cosmos; Ramatis;
Preâmbulo da Carta das Nações Unidas


 
5 estrelas, Holismo - publicado às 4:27 PM 22 comentários
ACIDZERO E O SENTIDO DA VIDA
seg, 10 de outubro, 2005
 


Nos comentários do post Reencarnação no cristianismo falei que ..."vida pós-morte, pelo que já li, é uma perda de tempo para a evolução do espírito que, por alguma sacanagem de Deus, só cresce realmente nessa porcaria desse planeta!"

O leitor Sandro Soares pediu pra eu falar mais sobre isso. De fato, isso é algo pouco explorado nesse site porque é um assunto de natureza mais especulativa da minha parte. Mas, considerando que eu adoro especular/filosofar sobre o sentido da vida, vamos lá:

"Quando li o que disseste a primeira coisa que veio em mente é:
mas o que será que ele entende por evolução do espirito?"

Bem. É sabido que estamos aqui na Terra assim como uma criança está no jardim de infância. Além de deixar de aporrinhar os pais durante parte do dia, isso serve para que a criança adquira o convívio social, e aprenda as regrinhas básicas de saber obedecer a um adulto (professor), não roubar nem bater no coleguinha, etc, etc, além do aprendizado intelectual e físico. Se vocês meditarem por um tempo nesta imagem do jardim de infância, e juntarem ao conceito do filme Matrix, vocês terão um breve lampejo do porquê de estarmos aqui... com a diferença de que os "professores" são, na maioria das vezes, invisíveis aos olhos, e se utilizam de outros "coleguinhas" para passar suas lições.

Com isso em mente, percebemos o ridículo de muitos garotinhos do jardim de infância que se acham superiores aos outros por ser "assim" com o diretor da escola, ou até mesmo que dizem cumprir ordens diretas do dono da escola.

Quando digo espírito evoluído, já se imagina logo alguém de toga, todo brilhante, culto, limpinho... mas a evolução espiritual é aprender o que nenhum livro ou escola pode ensinar eficazmente, que é conviver em harmonia com tudo e todos ao seu redor, bom ou ruim. Buda, Krishna, Jesus e Sócrates (entre outros), espíritos evoluidíssimos, vieram ensinar alguns passos para atingir esse modo de vida, e o que eles falaram estão escritos para todo mundo ler. E botar em prática, que é bom? Quem realmente consegue dar a outra face? Quem consegue deixar lhe roubar a capa, e ainda dar a túnica ao ladrão? Parece ser mais fácil achar espíritos evoluídos no interior, em alguma grota, em contato com a natureza, como os velhinhos dos filmes de Kurosawa (Dersu Usala e Sonhos), ou deslocado de seu tempo e espaço, como Peter Sellers em Muito além do Jardim, ou interessando-se apenas pelo lado bom da vida, como a simpática senhora de Ensina-me a viver. Mas, será que o auge da evolução é abandonar tudo e ir viver nos matos ou nas montanhas, em pura contemplação? Será que, atingindo um estado de paz consigo mesmo, não será mais preciso retornar a esse planeta atrasado? Hum... não. Porque é muito fácil ser bom quando se tem uma vida boa. É cômodo, e até mesmo um egoísta vai ser uma boa pessoa enquanto não mexerem com o que é dele. Um psicopata pode nunca vir a matar enquanto não for contrariado. Um budista ortodoxo pode abandonar riqueza, conforto, família, mas se mexerem na sua tigela e ele ficar aborrecido, terá falhado miseravelmente em seus objetivos espirituais. Essas vidas em isolamento podem ser consideradas como um "estágio", uma preparação do espírito para o "trabalho" a ser exercido na sociedade. Após isso eles terão de voltar à Terra e aprender a viver com os adversários, que podem estar na família, no emprego, na escola. Não poderia deixar de citar Chico Xavier, um exemplo vivo de que é possível viver de forma cristã (no sentido mais amplo da palavra) mesmo no Brasil.


Continuar a leitura

 
5 estrelas, Metafísica - publicado às 11:20 PM 54 comentários
VIDENTE COBRA RECOMPENSA DOS EUA
qui, 6 de outubro, 2005
 


Vidente pede que o STJ reconheça seu direito de receber 25 milhões de dólares de recompensa do governo dos EUA.

A 4ª Turma do STJ julga aquele que, possivelmente, será o caso mais raro de sua história: um vidente mineiro quer ver assegurado o "direito líquido e certo" de ser recompensado com 25 milhõ es de dólares pelo governo dos Estados Unidos da América.

Em 2003, o presidente George Bush anunciou, pela mídia internacional, a oferta de uma recompensa de US$ 25 milhões a quem informasse o paradeiro do ditador Saddam Hussein, que se evadira de seus palácios, logo que iniciada a a invasão norte-americana.

O suposto "vidente" mineiro Jucelino Nóbrega da Luz sustenta ter enviado três cartas apontando, com minúcias, o endereço onde Saddam seria encontrado - e teria sido, justamente, no local indicado que o ditador foi preso. As cartas teriam sido três: uma ao próprio Bush; a segunda ao Senado dos EUA; e a terceira à então-embaixador Donna Hribnak, em Brasília - enviada por via postal, com comprovante de recebimento.


Continuar a leitura

 
Geral - publicado às 12:50 PM 33 comentários
ESFERAS MISTERIOSAS
seg, 3 de outubro, 2005
 


Pelo menos 200 dessas esferas foram extraídas das profundezas rochosas da mina de prata de Wonderstone, na África do Sul. Até aí nada demais, não fosse por algumas características dessas esferas:

- São feitas de uma mistura de níquel/aço, não encontrada na natureza. Algumas são tão resistentes que sequer foram arranhadas por brocas de aço;
- Outras, quando abertas, revelam um material esponjoso que se transforma em poeira em contato com o ar;
- O equilíbrio do peso delas é extremamente bem calculado. Tão bom que, analisado no California Space Institute, excedeu os limites de precisão com os quais eles trabalham;
- A maioria das esferas possui uma absurda semelhança com a misteriosa lua de Saturno, Iapetus, cujo estranho desenho só foi conhecido em detalhes agora, em janeiro de 2005!! Outra possui 3 riscos perfeitamente paralelos ao redor da esfera;
- Agora, o "detalhe" mais insignificante: a idade estimada dessas esferas é de 2.8 a 3 bilhões de anos, quando a forma de vida mais complexa na Terra, nesta época, eram as algas marinhas.

Esfera
Iapetus

"Um mistério completo", de acordo com Roelf Marx, curator do museu sul-africano de Klerksdorp, que cuida da exposição destes objetos. Uma das esferas, mesmo dentro de um vidro e sem sofrer qualquer vibração, gira sozinha no próprio eixo.


Continuar a leitura

 
Ciência - publicado às 8:46 PM 19 comentários